Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo

CRLV digital já está disponível em São Paulo

Estado com a maior frota de veículos do país passa a beneficiar mais de 27 milhões de pessoas que agora poderão ter o documento digital do veículo no celular

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP), em parceria com o Serpro e o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), lançou em dezembro de 2019, a versão eletrônica do documento do veículo no estado. O Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo Digital (CRLV) está disponível juntamente com a CNH Digital no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), que reúne os dois documentos de porte obrigatório no trânsito.

Assim como a CNH Digital, a versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do CRLV físico. Para ter o documento digital, o proprietário tem que ter pago o licenciamento do veículo de 2019 e fazer o download do aplicativo CDT, disponível gratuitamente nas lojas Google Play e App Store. O cadastramento do veículo pode ser realizado no próprio aplicativo e tanto a CNH quanto o CRLV digital poderão ser acessados mesmo off-line, ou seja, sem internet.

São Paulo é o 22° estado a garantir essa tecnologia aos seus mais de 27 milhões de proprietários de veículos, o que corresponde a 27% dos veículos licenciados no Brasil e que, a partir de agora, podem usufruir da facilidade que já faz parte da rotina de mais de 1,1 milhão de usuários em todo o país.

Tudo em um só aplicativo

A Carteira Digital de Trânsito oferece, além das versões eletrônicas da CNH e do CRLV, várias funcionalidades que facilitam a vida do cidadão. Pelo aplicativo, o motorista pode ser avisado quando a habilitação vencer ou ser comunicado com avisos de recall para realizar algum reparo no veículo que apresente defeito de fábrica, evitando colocar em risco a saúde e a segurança do cidadão. As infrações de trânsito cometidas pelo motorista também podem ser consultadas no aplicativo.

Compartilhamento

Outra facilidade do aplicativo é permitir que o documento do veículo digital seja compartilhado para outra pessoa que utiliza o mesmo veículo, desde que ela já tenha instalado, em seu dispositivo móvel, o aplicativo CDT. O compartilhamento pode ser realizado para até cinco usuários ao mesmo tempo. Quem recebe o CRLV digital não consegue exportar ou compartilhar o documento, mas pode apresentá-lo às autoridades de trânsito. Quando o proprietário do veículo não quiser mais compartilhar o documento, é só cancelar a opção no aplicativo.

Segurança

O documento digital do usuário está protegido por uma senha de acesso de quatro dígitos, exigida para o login na Carteira Digital de Trânsito. O acesso ao aplicativo pode ser feito também com a impressão digital do usuário nos dispositivos móveis que já possuam leitor por biometria.

A autenticidade do documento é garantida pelo QR Code, que pode ser lido para verificar se há alguma falsificação no documento durante uma fiscalização de trânsito. O procedimento de obtenção do CRLV e da CNH Digital é 100% online, não sendo necessário o comparecimento do proprietário ao Detran de seu estado.

Como obter?

É simples, rápido e fácil

1. Instale o aplicativo “CDT – Carteira Digital de Trânsito” no seu smartphone, fazendo o download gratuitamente nas lojas Google Play e App Store.      

2. Cadastre o usuário:

Uma vez instalado o app, abra e selecione: “Entrar com gov.br”;

Na tela seguinte, informe o CPF e selecione “Próxima” (Tela do Gov.br);

Na próxima tela, deverá ser informada a senha do usuário. Caso o usuário não possua conta no Gov.br, deverá criar uma conta. Após criar a conta, deve retornar ao aplicativo e clicar em “Entrar com gov.br”.

Baixar o CRLV Digital

Após o login, selecione a opção “Veículos”. Em seguida, informe o número do Renavam e o Número de segurança do CRV (antigo DUT). Depois, selecione incluir. Pronto está disponibilizado o CRLV Digital em seu smartphone.

Baixar a CNH Digital

Após o login, selecione a opção “Habilitação”. Em seguida, selecione “Toque aqui para adicionar a sua CNH”.

Não estando habilitado, o usuário deve optar por um módulo de autenticação, são eles: “Validação pelo celular (Validação Facial), Certificado Digital (Portal de Serviços Denatran), Sem certificado digital (Validação de balcão do Detran).

Uma vez feita a opção pela validação facial, o usuário deverá:

– Informar o CEP à época da emissão da CNH Física;

– Efetuar a leitura do QR Code;

– Realizar a Validação Facial, atendendo às solicitações do aplicativo;

– Ao final da validação facial, informar o número do telefone;

– Pronto! Está disponibilizada a CNH Digital em seu smartphone.

Atenção! Se você já era usuário do antigo aplicativo “CNH Digital”, basta atualizá-lo que você já terá o app da CDT – Carteira Digital de Trânsito com a sua CNH disponibilizada automaticamente.

Fonte: Assessoria de Imprensa Serpro