Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo

Sest Senat

Serviços sociais e de desenvolvimento profissional

O SEST e o SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) foram criados através da Lei nº 8.706, de 14 de setembro de 1993. As entidades administradas pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), com sede em Brasília, prestam serviços de promoção social e de desenvolvimento profissional ao trabalhador em transporte rodoviário, transportador autônomo (caminhoneiro, taxista) e seus dependentes.

O SEST e o SENAT são organizações com personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos. Sua receita é formada por contribuição compulsória das empresas de transporte rodoviário e do transportador autônomo. Podem também contar com receita operacional decorrente da prestação direta de serviços e da celebração de convênios com entidades públicas ou privadas, nacionais ou internacionais.

Objetivos

Melhorar a qualidade de vida – O objetivo principal do SEST/SENAT é a busca permanente da melhoria dos padrões de vida do trabalhador em transporte e do transportador autônomo, inclusive seus dependentes. O SEST gerencia, executa e apóia programas voltados à promoção social nos campos da saúde, cultura, lazer e segurança no trabalho. Enquanto o SENAT promove programas destinados à formação e aprimoramento profissional.

Desenvolvimento profissional – No campo do desenvolvimento profissional dos trabalhadores, o SEST/SENAT atua de diversas formas. Realiza diversos cursos, palestras, seminários nos estabelecimentos operacionais e nas empresas de transportes. O SEST/SENAT desenvolve o Programa de Ensino à Distância, veiculado na Rede Transporte, que oferece cursos em várias áreas, além de programas gerenciais do Instituto de Desenvolvimento, Assistência Técnica e Qualidade em Transporte (IDAQ) e o Telecurso 2000, de 1º e 2º graus, em parceria com a Fundação Roberto Marinho.

Promoção social – A assistência médica do SEST/SENAT está direcionada, principalmente, para a prevenção e controle de problemas de saúde mais comuns entre os trabalhadores, com atendimento clínico e campanhas e palestras educativas. A assistência odontológica é direcionada para situações emergenciais, ambulatoriais em clínicas restauradoras e ações preventivas. Os atendimentos são facilitados através da rede informatizada dos Pates e Capits, que permite que a ficha médica ou odontológica do trabalhador seja acessada onde ele estiver. As ações de promoção social do SEST/SENAT asseguram uma integração entre os trabalhadores, através das diversas atividades de lazer e cultura, como campeonatos, cursos esportivos, exposições e vários programas regionais.

ESTRUTURA – O SEST/SENAT tem uma estrutura organizacional que agiliza as tomadas de decisão e o desenvolvimento dos serviços prestados. O Conselho Nacional, presidido por Clésio Andrade, fixa diretrizes e prioridades, analisa e aprova projetos, planeja, normatiza e fiscaliza a administração das entidades. Os Conselhos Regionais localizados em 14 cidades, cobrindo todo o território nacional, elegem as prioridades regionais observando as diretrizes dos Conselhos Nacionais. Em São Paulo a administração é feita pela Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo (FETCESP) tendo como presidente, Flávio Benatti.

O Departamento executivo, com sede em Brasília, é responsável pela administração e execução dos objetivos do SEST/SENAT. Os serviços do SEST/SENAT são oferecidos através de Unidades instaladas ao longo das principais rodovias do país e em grandes centros urbanos.