Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo

Otimismo marca a abertura da Fenatran

Os discursos otimistas das autoridades presentes foram a tônica na solenidade de abertura da 21ª edição da FENATRAN – Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas, que começou na segunda-feira no Centro de Convenções do São Paulo Expo Exhibition&Convention Center e vai até o próximo dia 20.

O Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, participou do evento acompanhado de Antônio Megale, presidente da Anfavea, José Hélio Fernandes, presidente da NTC&Logística, Laurence Casagrande, secretário de Logística e Transportes do Estado de São Paulo, Alcides Braga, presidente da Anfir, Fernando Fischer, presidente da Reed Exhibition Alcântara Machado, Clesio Andrade, presidente da CNT, Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave, Luiz Antonio Fleury Filho, relações institucionais da FENABRAVE, e Sergio Avelleda, secretário dos Transportes.

O presidente da FETCESP, Flávio Benatti, também participou da abertura do evento junto com várias lideranças do transporte rodoviário de cargas, como os vice-presidentes da FETCESP, Carlos Panzan e Urubatan Helou, e os presidentes de sindicatos de São Paulo, Tiojium Metolina (Setrans – ABC), José Alberto Panzan (Sindicamp – Campinas) Tayguara Helou (Setcesp – São Paulo) e Laércio Lourenço (Sindivapa – Vale do Paraíba), entre outras autoridades.

Fernando Fischer deu as boas-vindas a todos e enfatizou o bom momento da economia e as expectativas para essa edição da FENATRAN. “Agradeço a todos os expositores e à equipe da Reed que fez um belo trabalho e possibilitou a realização da feira, em especial à Flavia Castanho”.

Em seguida, Alcides Braga lembrou como foi difícil fazer a última FENATRAN (2015) devido ao cenário de crise e comemorou o momento atual. “Esse é um evento emblemático, construído por todos os empresários que acreditam no país. Esperamos que o poder público acompanhe esse bom momento e ajude o cenário a melhor cada vez mais. Todos nós queremos um Brasil melhor”.

Para o presidente da NTC, José Helio Fernandes, falar de agruras e mazelas virou lugar comum. “Elas existem? Claro que sim, mas o empresariado de transportes prefere falar e acreditar na palavra sucesso”. Para ele, a FENATRAN traz consigo a importante marca da virada. “Se em 2015 a FENATRAN mostrou que o país estava na UTI, apenas dois anos depois mostra que já saiu da convalescença com o crescimento do PIB, queda na inflação, retomada do emprego, aumento na produção industrial e no consumo das famílias”.

Fernandes afirmou que o Brasil vem sendo exemplo para o resto do mundo de como é possível combater em grande escala a corrupção e os desvios, dentro do espírito democrático e de respeito constitucional. E deixou sua mensagem aos participantes da feira. “A todos vocês, nossos expositores de ontem e de hoje, os seus clientes, por nosso intermédio, agradecem. E agradecem especialmente por nos permitir conhecer as inúmeras novidades que aqui serão demonstradas. Vocês provaram, mais uma vez, que acreditam no nosso mercado e, tenham certeza, os seus investimentos não ficarão sem resposta, pois o nosso mercado acredita em vocês”.

Antonio Megale lembrou que o cenário ainda é muito complicado, mas que a ideia é olhar para frente e buscar a retomada do crescimento. “Hoje não vou falar de coisas ruins. É hora de andar para frente, apostar na melhoria dos negócios”. Ele também ressaltou a importância da aprovação das reformas que estão em andamento no Congresso para trazer de volta os investimentos. “Só assim deixaremos de ser o país do futuro para ser o país do presente”.

Representado o prefeito da cidade de São Paulo, João Dória, Sérgio Avelleda disse estar orgulhoso por São Paulo estar sediando um evento de tamanha importância. E fez questão de relatar sua emoção ao conversar com o empresário e vice-presidente da NTC&Logística, Urubatan Helou. “Urubatan me cumprimentou pelo diálogo da nossa gestão junto ao setor privado. Isso me deixou muito feliz, pois acreditamos nessa parceria.

Em seguida, foi a vez de Laurence Casagrande falar em nome do Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin. “A palavra é de esperança nesse momento. O caminho para a retomada do crescimento é a geração de renda e depois sua distribuição. E tenham certeza que as estradas de São Paulo estarão prontas para apoiar essa retomada”, afirmou o secretário.

Para encerrar a cerimônia de abertura,o ministro Alexandre de Moraes foi convidado a deixar sua mensagem e fez questão de expor seu histórico de longa data com o setor de transportes. “Já fui secretário dos Transportes de São Paulo e ajudei a implementar o Comitê de Combate do Roubo de Cargas. Tenho uma ligação muita próxima com o setor e uma grande admiração”. O ministro parabenizou a todos pelo evento e disse ser um marco nesse novo momento.

“Nós precisamos acreditar no Brasil. O grande desafio é fortalecer as instituições para atrair mais investimentos e trazer segurança jurídica. Combater a rede de criminalidade organizada é fundamental, pois ela atinge a segurança de forma geral e inibe os investimentos”. Finalizou desejando bons negócios a todos.   Com informações NTC

Fonte: Imprensa FETCESP