14 de junho de 2018

---

Rodovias: colisões são responsáveis pela maior parte dos acidentes com vítimas

Ainda que o Brasil tenha se comprometido em diminuir pela metade o número de acidentes de trânsito até 2020, o tema preocupa porque essa ainda é uma das principais causas de mortes no país. Somente nas rodovias federais policiadas, no período entre 2007 e 2017, foram registrados 1.652.403 acidentes e 83.481 mortes. O estudo “Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura”, divulgado …

Leia mais.

NTC&Logística pede cancelamento de multas conferidas às empresas de transporte no período da paralisação dos caminhoneiros autônomos

A NTC&Logística ingressou em 12 de junho, no Supremo Tribunal Federal (STF) com um pedido para ser admitida como amicus curiae (amigo da corte, ou seja, terceiro que não é parte no processo e intervém para ajudar o juiz na decisão) na ADPF nº 519 (Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental), ação movida pela Advocacia Geral da União – AGU …

Leia mais.

Ministério do Trabalho anula Nota Técnica que autorizava a cobrança da Contribuição Sindical por Assembleia Geral

A Secretaria de Relações do Trabalho (SRT), do Ministério do Trabalho (MTb), publicou o despacho de 30 de maio de 2018 tornando sem efeito a Nota Técnica nº 02/2018/GAB/SRT, assinada em 16 de março de 2018 pelo então Secretário de Relações do Trabalho, Sr. Carlos Cavalcante de Lacerda, que entendia ser legal a cobrança da contribuição sindical por meio de …

Leia mais.

---

Infraestrutura deficiente é fator preponderante na ocorrência de acidentes com vítimas

Acidentes rodoviários decorrem de vários fatores. Entretanto os relatórios policiais costumam apontar o humano, ou a imprudência do motorista, como a principal causa dos episódios. O estudo “Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura”, divulgado na última semana pela CNT (Confederação Nacional do Transporte), aponta as principais variáveis (humanas, veiculares, viárias, institucionais/sociais, socioeconômicas e ambientais) que justificam um acidente e ressalta: carências …

Leia mais.

---

Altas taxas de financiamento impedem renovação da frota

Mesmo com a Selic alcançando seu menor nível histórico, as taxas praticadas atualmente estão mais altas do que em 2013. A Selic (taxa básica de juros) alcançou o seu menor patamar da história – 6,5% ao ano. Os juros sobre o crédito para a aquisição de veículos, porém, não seguem a trajetória de queda, o que prejudica transportadores que dependem …

Leia mais.